fbpx

Traçando o perfil de seguidores das suas redes

Começo este texto dizendo o seguinte: Você precisa traçar o perfil de seguidores das suas redes sociais. Uma coisa eu aprendi nesta minha caminhada: você não vai atingir o mundo todo com suas postagens. Não existe essa história de “todo mundo pode ser meu cliente”. E se você deseja se aventurar na divulgação digital,  captando seguidores e transformando-os em clientes, é melhor você encontrar o seu público. Dizendo isso, eu estou afirmando que as redes sociais são formadas por comunidades e estas são formadas por pessoas. A boa notícia é que seu público está ai esperando por você!

Cadu Ideias Traçando o perfil de seguidores das suas redes

Quando você se propõe a expor sua marca, serviço ou produto nas redes sociais, em outras palavras você está se colocando como chefe de uma comunidade e com o tempo (e com o trabalho certo), você terá pessoas em torno da sua marca. Não é todo mundo que vai seguir sua marca. Apenas as pessoas que se interessam por seu produto ou serviço é que formarão a sua comunidade. Mas é ai que vem a grande pergunta:

Como eu encontro estas pessoas? E como é que estas pessoas me encontram?

O marketing digital tem ensinado as grandes, médias e pequenas empresas como encontrar o seu público. Não sabemos quantos serão e de onde virão, mas através de alguns conceitos e técnicas é possível atingi-los. Um destes conceitos é traçar perfis de seguidores e criar conteúdo para eles.

Os profissionais de marketing chamam estes perfis de avatares e usam isto para segmentar e definir quem é o seu público alvo. Neste post eu quero ajudar você a traçar estes perfis. Em um segundo post eu vou ensinar como pegar estes perfis e usá-los em suas mídias sociais.

Da ficção para a realidade

Pense no avatar como um estereótipo, um cliente imaginário, aquela pessoa que você gostaria que seguisse suas redes sociais, comprasse seu produto e tornasse divulgadora da sua marca. É este o perfil de seguidores que você precisa. Com este perfil definido eu posso:

  • Ajustar a linguagem de comunicação da empresa;
  • Acertar a linguagem das minhas mídias sociais;
  • Definir que redes sociais eu devo usar;
  • Saber que conteúdo eu devo produzir para atrair os clientes;
  • Definir palavras-chave (isto é muito importante);
  • Definir quem são meus clientes reais para o facebook ads.
Todo mundo faz um perfil de seguidores, mas quase nunca faz do jeito certo!

Talvez você diga: Mas eu já tenho um perfil do cliente ideal. Ele é jovem, tem entre 18 a 25 anos, ganha entre R$ 800,00 a R$ 1.300,00 e ajuda os pais, mas não gasta tudo em casa.

Tudo bem, só que isso não é um avatar: isto é um público alvo.

Quando eu traço algo que seja amplo como um exemplo acima, eu não consigo transformar estes dados em uma pessoa real e com isso eu não consigo criar situações reais para o meu público. Um perfil baseado no conceito avatar é tão específico que chega a parecer uma pessoa de verdade. Digamos que o público alvo seja apenas metade do caminho. É preciso ir além…

Com o conceito de público alvo você não consegue ir muito longe no mundo digital. Este é um conceito velho, e digo sem medo: ultrapassado. Mas com o conceito de avatar você pode ir longe.

Vamos a um exemplo?

Eu tenho uma loja de roupas infantis, quem seria meu avatar?

Qual o nome desta pessoa?Luana
Qual a sua idade?25
Estado Civil:Divorciada
Tem filhos:Sim
Gosta do que fazSim
Qual o seu objetivo profissional?Atingir a excelência em sua empresa e tornar seu escritório uma referência no mercado.
O que ela faz em seu tempo livre?Gosta de ficar com a família, curtir a filha, praia, piscina e ir a bons restaurantes.
Quais problemas ela enfrenta (família, trabalho, etc).A sua equipe é reduzida, sofre com muita pressão no seu trabalho e como mãe e dona de casa ainda tem muitas tarefas a realizar. Ter que cuidar da sua filha de 4 anos e da mãe.
Qual a ligação dela com a sua empresa?Sua filha Maria que tem 4 anos.
Como sua empresa pode ajudá-la a resolver seus problemas?Fornecendo roupas de qualidade para que a sua filha Maria use em todos os momentos, com preço bom, atendimento rápido e de qualidade.
Naquilo que sua empresa a esta pessoa, o que poderia ser escrito?Dicas de roupas bacanas, tendências para crianças, coisas sobre educação infantil...
Poderia indicar algo que ajudasse no lazer dela e ao mesmo fizesse ela se lembrar de você?Coisas que façam referência ao universo da criança, como dicas de parques, praias, teatros e eventos. Também posso abordar dicas práticas para o dia a dia das mães e das crianças.

Veja que Luana e Maria não existem. Elas são personagens que eu criei usando o conceito de avatar. Eu poderia fazer muito mais perguntas e atingir um perfil ainda mais específico, mas fiz apenas um exemplo para que você entenda o caminho. Percebe a diferença entre “definir um público-alvo” e criar um perfil de “avatar“?

Então fica o desafio: Que tal gastar umas horinhas pensando em um perfil para o seu público usando o conceito de avatar? Mas fica a dica: Tente fazer isso você mesmo e depois partilhar com a sua equipe de trabalho. Eles podem ajudar você a encontrar outros pontos interessantes e a eliminar alguns pontos desnecessários. Se quiser partilhe conosco nos comentários. Para facilitar sua vida, vou deixar aqui no post, uma ficha para montar um avatar. É um PDF que você pode baixar e ir montando seu avatar.  Você pode ir além e escrever mais. Este é apenas um pontapé inicial.

[maxbutton id=”1″ ]

 

Depois continuaremos com este assunto e vamos conversar sobre como usar este perfil para captar clientes reais. Fique ligado nas nossas postagens.

Abração do Cadú e até a próxima!

Este post tem 2 comentários

  1. Muito bom Cadu! Vou tentar começar a desenvolver este conceito!!! valeu!

    1. Desenvolva mesmo e vá partilhando os resultados.
      Estamos sempre à disposição.
      Cadu

Deixe uma resposta

Fechar Menu